À medida que mais empresas aproveitam tecnologias emergentes, como a Internet das coisas (IoT) e big data para acompanhar o ritmo de seus negócios, muitas vezes elas são impedidas por um componente importante em seus datacenters – o armazenamento corporativo. O armazenamento tradicional, baseado em disco, não consegue mais atender às necessidades da empresa moderna,
Ao mover o armazenamento de dados para a nuvem, as empresas podem se concentrar mais nas competências essenciais de suporte ao seu modelo de negócios. Por exemplo, os serviços em nuvem simplificam os processos de backup e recuperação do data center, permitindo que uma equipe menor os gerencie. Você não deve mais gerenciar uma grande
As crises globais, estão afetando os serviços de armazenamento do data center. Com muitos funcionários trabalhando em casa, as empresas estão descobrindo que operar, manter e atualizar uma infraestrutura de armazenamento é um desafio. Essa situação faz com que as empresas estejam mudando, ou planejando mudar, pelo menos alguns gastos com armazenamento de data centers
Por décadas, os servidores têm sido responsáveis pela carga de uso geral do datacenter. Essas caixas provaram ser a estrutura para todos os negócios, capazes de executar operações para organizações de todos os formatos e tamanhos. Mas algumas empresas não querem uma máquina que faça tudo razoavelmente bem, em vez disso, eles querem um computador
Quando se trata de nuvens híbridas, há muitos fatores que você deve considerar antes de tomar qualquer decisão séria. Determinar qual servidor de nuvem é melhor para sua nuvem híbrida é apenas uma decisão que você precisa tomar. O gerenciamento e a movimentação de dados são as duas considerações mais importantes ao construir um servidor
Não faz muito tempo, as unidades de armazenamento ficavam escondidos no data center e eram gerenciáveis ​​sem exigir muito conhecimento sobre os dados que estavam armazenados nele. Um administrador responsável pela estrutura de armazenamento, por exemplo, poderia saber que eram dados de um banco de dados para um aplicativo importante que requer alto desempenho e
O modelo de precificação de hardware hiperconvergente baseado no consumo funciona basicamente como uma plataforma de nuvem. Um fornecedor fornece o serviço, neste caso, uma infraestrutura física hiperconvergente (HCI) instalada no local, e o cliente paga uma taxa de assinatura mensal, geralmente com base nos recursos que usa a cada mês. Embora as estruturas de
As infraestruturas hiperconvergentes (HCIs) são comercializadas como a tecnologia para reduzir os custos de infraestrutura de TI e, ao mesmo tempo, melhorar a agilidade dos negócios. Mesmo assim, o custo de um sistema hiperconvergente pode ser comparável ao de um sistema mais tradicional. Para os parceiros de canal, que encontram-se no meio da tendência de
A arquitetura hiperconvergente está injetando uma nova vida no mercado de infraestrutura de TI e abrindo oportunidades de vendas para parceiros de canal.
Saiba como se tornar o parceiro de negócios que o seu cliente precisa
A oferta de produtos “intermediários” tem tirado o sono de muitos parceiros de canal. Não há nada pior para os revendedores que operam em um mercado competitivo do que ter que oferecer um produto sem um ponto de venda exclusivo e oferecer recursos quase idênticos aos de seus concorrentes. Tudo o que isso faz é
TOP